<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d17740096\x26blogName\x3dMurtog\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://murtog.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_BR\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://murtog.blogspot.com/\x26vt\x3d-9075988469102890239', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

Linux, vamos dar um tempo?

12.27.2005
São mais ou menos dois anos usando diariamente Linux. A maioria das distribuições foi testada, sendo que parei há uns quatro meses no Ubuntu. Ele parecia ser a panacéia para meus problemas com o Linux.

A relação Ubuntu x Eu ficou muito bem enquanto eu usei a versão Hoary. Após o lançamento do Breezy resolvi fazer um upgrade, baixei a iso do Breezy e instalei-o no lugar do Hoary.

Poucas semanas depois eu fiz uma atualização pelo Synaptic do Kernel do Ubuntu, ele acabou travando no boot em um erro: “Checking Battery State”. Reinstalei o Breezy e me proibi de atualizar o Kernel do dito cujo.

Tudo bem. A vida vai indo. Essas coisas acontecem. Só que semana passada precisei fazer umas planilhas tipo Excel. Usei o Gnumeric e o Calc do OpenOffice. Primeiro: os dois são péssimos softwares. Sim, o adjetivo é para realçar minha raiva com eles. Segundo: o Gnumeric por incrível que pareça é, IMHO, melhor que o Calc.

Mas o problema não foram os programas. O Gnome, enquanto eu estava me aventurando pelos dois programas, começou a travar, dando uma mensagem de erro sobre a barra de tarefas. Reiniciei umas 15 vezes e o erro persistiu. Desisti.

Hoje meu Linux ganhou um rm –rf / e ele ficará no reino dos Linuxs formatados até a interface e usabilidade do Linux estarem maduras de fato. É uma pena, mas paciência tem limite.

PS: Linux suspenso até o lançamento do Dapper.

Guido at Google ?

12.21.2005
Será?

Eu tento...

12.17.2005
Eu tento atualizar isso aqui com algo útil, que acrescente quem leia, mas é difícil. Muito difícil.

Poema do verdadeiro programador: aqui.
Pior design que já vi na vida: aqui.

Fazem tanto...

Fazem tanto aue pelo Django, Rails, Turbogears e esquecem que a beleza está na simplicidade. Coisa que esses frameworks estão se afastando a cada nova função. Parece que o pessoal do Reddit percebeu e criou o que eu estava esperando por esses meses: http://webpy.org/

Ainda não liberaram o código. Mas estou muuuito ansioso para ver.

Perython

12.14.2005
Coisas que Python tem e você não sabe:


In [9]: numero = 123

In [10]: #convertendo para string

In [11]: type(`numero`)
Out[11]: type 'str'

In [12]: type(numero)
Out[12]: type 'int'

In [13]:

Beggining Python - Estou lendo =]



Sim, estou lendo. É muito bom. Em breve escreverei alguns artigos baseados no que eu aprender. See you, folks.

CVS, resumido.

12.10.2005
Porque não tenho tempo para ler o manual do CVS:

https://mirror1.cvsdude.com/commandRef.pl#gs_linux

Meu eu Paulo Coelho

12.01.2005
Chega um tempo em que você pára e pergunta para si mesmo: que merda eu vim fazer nessa vida ? Não se sabe a resposta, é claro. Nunca se saberá. Ou talvez...Não, não seria tão fácil. Mas tem fundamento. Você veio ao mundo para mudar o mundo. Todos viemos com essa missão, porém todos desistem no meio do caminho. Já dizia Drummond: "No meio do caminho havia uma pedra".

Deixar o mundo te bater. Você se derrotar antes da luta começar. Pensa que está tudo perdido, mas não está. O caminho escolhido foi o certo, contudo o caminho mais certo é sempre o mais cheio de mistérios e surpresas. Agradáveis surpresas.

Levanta. Toma um banho, volta para dieta, liga para a ex. Sim, ressucite a vida que você deixou morrer. Não há tempo para divagações. Vai viver, muito e agora! Não pense, aja. Exista. O mundo está rodando e você olhando para o conta-gotas da morte. Tudo bem que você não tenha fé em Deus, mas ele tem em você. Ele crê em você, mais do que qualquer outra pessoa. Se não é para fazer por você, faça por ele, pelos outros.

Calma. O mundo não ficará mais colorido com a sua vida "nova". Tudo continua igualzinho. Menos você. Você agora sabe mesmo sem, de fato, saber a razão da vida: viver.